skip to Main Content
Menu
PHP Para Iniciantes: 5 Práticas Importantes Para Você Programador

PHP para iniciantes: 5 práticas importantes para você programador

O PHP é considerado uma linguagem de back-end, pois seu uso é voltado para o lado do servidor e foi desenvolvido em 1994 por Ruasmus lerdorf, como um CGI escrito em Perl.

É interessante principalmente para os scripts do lado do servidor, podendo fazer outras coisas como outro programa CGI, como coletar de dados de formulários, criar página com um bom conteúdo ou receber e enviar cookies.

Ele é muito popular porque pode ser utilizado na maioria dos sistemas operacionais, como: Linux, Microsoft Windows, Mac, entre outros.

Mas apesar de toda a facilidade e recursos importantíssimos dessa linguagem de programação, pode ser que você ainda tenha certas dúvidas.

Por isso, preparamos algumas dicas para você que é iniciante no assunto. Confira a seguir!

Uma das informações mais importantes para quem está começando

Com o PHP, você tem a liberdade de escolher o sistema operacional e de servidor da web, podendo utilizar programação estruturada, programação orientada, ou um misto das duas.

Saiba que você não está limitado a somente a gerar HTML, ele possui muitas habilidades, como: gerar imagem, arquivo PDF, animação dinâmicas, on the fly. Podendo criar texto, como XHTML e outros arquivos XML.

Obtendo uma ampla variedade de banco de dados, isso faz com que ele tenha uma das características mais forte e significante, tendo um suporte de comunicação com outros serviços utilizando protocolo como LDAP, IMAP, SNMP, POP3, HTTP, Windows e etc…

Por isso, a primeira prática para você que está iniciando, é não só aprender tudo o que puder sobre PHP, como também mergulhar em outros sistemas de desenvolvimento (como o Java, por exemplo).

Existem maneiras de se tornar um desenvolvedor full stack (que trabalha com vários tipos de programação) em apenas 3 meses, como o curso fullstack master, por exemplo.

5 práticas para iniciantes

1 – Manual do PHP

Leia com atenção para que você tenha um bom aprendizado. Ter familiaridade com o conteúdo do manual é importante, e sabê-lo detalhadamente te ajuda nesse começo tão importante. O conhecimento obtido sobre cada assunto será de grande valor.

 

2 – Error Reporting

Ligue o Error Reporting para que você possa ver os erros, porque é muito útil. Você pode descobrir bugs no seu código que não tinham sido vistos antes.

Usado diferentes níveis de intransigência na informação, a E_ALL mostrara a você a maioria dos erros.

3 – Visualização e percepção do programa

Afastar o texto e usar espaços em brancos no código é importante. Isso atesta que seu código fique de fácil pesquisa e nítido.

Normalmente, recuos automáticos são adicionados pelos ides e editores. Aprender corretamente o php do zero ao profissional exige que sua linguagem seja sempre limpa e organizada.

4 – Nomes incorporados e consideráveis

Ajude a você mesmo usando nomes que façam sentido para a sua classe e função. Isso fará com que você seja encontrado facilmente.

Lembre-se de que como iniciante pode ser difícil lembrar de todas e nomeá-las é um bom jeito de se organizar mais.

5 – Ferramenta gráfica e cache de dados

A ferramenta gráfica serve para esboçar e alterar bases de bancos de dados de suas aplicações, caso você entre dificuldades.

Já o cache de dados orienta à página PHP, melhora a carga e desempenho do seu script, deixando descomplicado a opção de criar e recuperar arquivos de conteúdo estáticos.

Ainda em dúvidas sobre como aprender o PHP e entender mais sobre o desenvolvimento de web? Deixe um comentário!

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back To Top
×Close search
Search